Solidão

Meu olhar fixo na escuridão
Não me deixa dormir,
Todos estes pensamentos
São apenas reflexos
De minha própria solidão.

Esqueceste como sorrir?
A doce voz ecoa
Não respondo
Pois, sou, deveras, uma triste pessoa.

Entre lágrimas e lembranças
Há aquela sensação
De que nada foi em vão
E tu ainda hás de livrar-me
Desta sufocante ilusão.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s